quarta-feira, 24 de maio de 2017

6ª Quarta-feira da Páscoa



«Cristo ressuscitou dos mortos, 
Pisoteando a morte com Sua morte, 
E outorgando a vida 
Aos que jaziam nos sepulcros!»


24 de Maio de 2017 (CC) / 11 de Maio (CE)
Ss. Cirilo e Metódio, Mestres dos eslavos
Modo 5





Os Santos Cirilo e Metódio eram irmãos de Tessalônica, filhos de pais ilustres e ricos, Leo e Maria. 

O irmão mais velho Metódio passou dez anos como oficial entre os eslavos macedônios e, assim, aprendeu a língua eslava. Depois disso Metódio retirou-se para o Monte Olimpo e dedicou-se à vida monástica ascética. Foi aqui que Cirilo (Constantine), mais tarde viera a se juntar a ele. 

Quando o rei Khazarite, Kagan, solicitou pregadores da fé de Cristo ao Imperador Miguel III, imediatamente, por ordem do Imperador, estes dois irmãos foram encontrados e enviados entre os khazares. O Rei Kagan converteu-se a Cristo, e junto com ele, Cirilo e Metódio batizaram um grande número de seus principais assistentes e um maior número de pessoas dentre o povo. 

Depois de um período de tempo, eles voltaram para Constantinopla, onde compilaram o alfabeto eslavo em trinta e oito cartilhas e passaram a traduzir os livros eclesiásticos do grego para o eslavo. 

A pedido do príncipe Rastislav, que viajou para Morávia, onde os irmãos se embrenharam e estabeleceram a fé devota e foram publicados muitos livros destinados à catequese dos jovens. 

Atendendo à uma solicitação do Papa de Roma, Cirilo viajou para esta cidade, e estando em Roma, adoeceu e morreu em 14 de fevereiro de 867. Então Metódio retornou à Morávia, onde havia trabalhado, para fortalecer a fé em Cristo entre os eslavos, até sua morte, ocorrida no dia 6 de abril de 885.

O Minéon do mês de maio registra a festa dos dois irmãos neste dia 11. Essa data é importante, especialmente para os povos eslavos. Mas, sendo o costume ainda bastante difundido no Oriente de usar para a liturgia o Calendário Juliano, atrasado 13 dias em relação ao gregoriano – mais conhecido e adotado universalmente, tal data, na realidade, vem a coincidir com o nosso 24 de maio. É uma data já arraigada na consciência popular ao ponto que, mesmo naquelas regiões em que foi adotado oficialmente o calendário do «novo estilo», os fiéis bizantinos preferem manter a antiga data do 24 de maio. É possível avaliar quanto temos afirmado acima ao constatar o afluxo das muitas delegações (por exemplo, as da Bulgária) que, para honrar os «Mestres dos Eslavos» a cada ano, nesse dia, se dirigem à basílica de São Clemente em Roma onde se conservam as relíquias dos santos Cirilo e Metódio. A herança cultural deixada por eles é, de fato, ampla e reconhecida ao ponto que, em alguns países balcânicos, enquanto 25 de dezembro é um dia de trabalho, o aniversário dos dois santos é também festa civil, portanto feriado.  Com insistência os textos litúrgicos convidam a celebrar os irmãos «iluminadores» dos povos eslavos, salvos com a luz da Trindade e de Cristo, «fontes do conhecimento divino, mediante as Escrituras» traduzidas por eles e que ainda hoje «estando na presença de Deus fervorosamente intercedem» por aqueles que os invocam. 
Tropárion Modo 4
“Êmulos dos Apóstolos e Mestres dos países eslavos,
sábios e santos Cirilo e Metódio, orai ao Senhor do universo
para que todos os povos eslavos
sejam fortalecidos na unidade e na fé ortodoxa,
para que ao mundo seja concedida a paz
e para que sejam salvas as nossas almas.”


Oração Antes de Ler as Escrituras
Faz brilhar em nossos corações a Luz do Teu divino conhecimento, ó Senhor e Amigo do homem; e abre os olhos da nossa inteligência para que possamos compreender a mensagem do Teu Santo Evangelho. Inspira-nos o temor aos Teus Santos mandamentos, a fim de que, vencendo em nós os desejos do corpo, vivamos segundo o espírito, orientando todos os nossos atos segundo a Tua vontade; pois Tu És a Luz das nossas almas e dos nossos corpos, ó Cristo nosso Deus e nós Te glorificamos a Ti e ao Teu Pai Eterno e ao Espírito Santo, Bom e Vivificante, eternamente, agora e sempre e pelos séculos dos séculos. Amém! 

Atos 18:22-28

22 Tendo chegado a Cesaréia, subiu a Jerusalém e saudou a igreja, e desceu a Antioquia. 23 E, tendo demorado ali algum tempo, partiu, passando sucessivamente pela região da Galácia e da Frígia, fortalecendo a todos os discípulos. 24 Ora, chegou a Éfeso certo judeu chamado Apolo, natural de Alexandria, homem eloquente e poderoso nas Escrituras. 25 Era ele instruído no caminho do Senhor e, sendo fervoroso de espírito, falava e ensinava com precisão as coisas concernentes a Jesus, conhecendo entretanto somente o batismo de João. 26 Ele começou a falar ousadamente na sinagoga: mas quando Priscila e Áquila o ouviram, levaram-no consigo e lhe expuseram com mais precisão o caminho de Deus. 27 Querendo ele passar à Acáia, os irmãos o animaram e escreveram aos discípulos que o recebessem; e tendo ele chegado, auxiliou muito aos que pela graça haviam crido. 28 Pois com grande poder refutava publicamente os judeus, demonstrando pelas escrituras que Jesus era o Cristo.  

João 12:36-47

36 Enquanto tendes a luz, crede na luz, para que vos torneis filhos da luz. Havendo Jesus assim falado, retirou-se e escondeu-se deles. 37 E embora tivesse operado tantos sinais diante deles, não criam nele; 38 para que se cumprisse a palavra do profeta Isaías: Senhor, quem creu em nossa pregação? E a quem foi revelado o braço do Senhor? 39 Por isso não podiam crer, porque, como disse ainda Isaías: 40 Cegou-lhes os olhos e endureceu-lhes o coração, para que não vejam com os olhos e entendam com o coração, e se convertam, e eu os cure. 41 Estas coisas disse Isaías, porque viu a sua glória, e dele falou. 42 Contudo, muitos dentre as próprias autoridades creram nele; mas por causa dos fariseus não o confessavam, para não serem expulsos da sinagoga; 43 porque amaram mais a glória dos homens do que a glória de Deus. 44 Clamou Jesus, dizendo: Quem crê em mim, crê, não em mim, mas naquele que me enviou. 45 E quem me vê a mim, vê aquele que me enviou. 46 Eu, que sou a luz, vim ao mundo, para que todo aquele que crê em mim não permaneça nas trevas. 47 E, se alguém ouvir as minhas palavras, e não as guardar, eu não o julgo; pois eu vim, não para julgar o mundo, mas para salvar o mundo. 

† † †








VÉSPERAS DA ASCENSÃO DE NOSSO SENHOR DEUS E SALVADOR JESUS CRISTO




Isaías 2:2-3


2 Acontecerá nos últimos dias que se firmará o monte da casa do Senhor, será estabelecido como o mais alto dos montes e se elevará por cima dos outeiros; e concorrerão a ele todas as nações. 3 Irão muitos povos, e dirão: Vinde, e subamos ao monte do Senhor, à casa do Deus de Jacó, para que nos ensine os seus caminhos, e andemos nas suas veredas; porque de Sião sairá a lei, e de Jerusalém a palavra do Senhor.  

Isaías 62:10-63:3; 63:7-9

10 Passai, passai pelas portas; preparai o caminho ao povo; aplanai, aplanai a estrada, limpai-a das pedras; arvorai a bandeira aos povos. 11 Eis que o Senhor proclamou até as extremidades da terra: Dizei à filha de Sião: Eis que vem o teu Salvador; eis que com ele vem o seu galardão, e a sua recompensa diante dele. 12 E chamar-lhes-ão: Povo santo, remidos do Senhor; e tu serás chamada Procurada, cidade não desamparada. 1 Quem é este, que vem de Edom, de Bozra, com vestiduras tintas de escarlate? Este que é glorioso no seu traje, que marcha na plenitude da sua força? Sou eu, que falo em justiça, poderoso para salvar. 2 Por que está vermelha a tua vestidura, e as tuas vestes como as daquele que pisa no lagar? 3 Eu sozinho pisei no lagar, e dos povos ninguém houve comigo; eu os pisei na minha ira, e os esmaguei no meu furor, e o seu sangue salpicou as minhas vestes, e manchei toda a minha vestidura. 7 Celebrarei as benignidades do Senhor, e os louvores do Senhor, consoante tudo o que o Senhor nos tem concedido, e a grande bondade para com a casa de Israel, bondade que ele lhes tem concedido segundo as suas misericórdias, e segundo a multidão das suas benignidades. 8 Porque dizia: Certamente eles são meu povo, filhos que não procederão com falsidade; assim ele se fez o seu Salvador. 9 Em toda a angústia deles foi ele angustiado, e o anjo da sua presença os salvou; no seu amor, e na sua compaixão ele os remiu; e os tomou, e os carregou todos os dias da antiguidade.  

Zacarias 14:1, 4, 8-11

1 Eis que vem um dia do Senhor, em que os teus despojos se repartirão no meio de ti. 4 Naquele dia estarão os seus pés sobre o monte das Oliveiras, que está defronte de Jerusalém para o oriente; se o monte das Oliveiras será fendido pelo meio, do oriente para o ocidente e haverá um vale muito grande; e metade do monte se removerá para o norte, e a outra metade dele para o sul. 8 Naquele dia também acontecerá que correrão de Jerusalém águas vivas, metade delas para o mar oriental, e metade delas para o mar ocidental; no verão e no inverno sucederá isso. 9 E o Senhor será rei sobre toda a terra; naquele dia um será o Senhor, e um será o seu nome. 10 Toda a terra em redor se tornará em planície, desde Geba até Rimom, ao sul de Jerusalém; ela será exaltada, e habitará no seu lugar, desde a porta de Benjamim até o lugar da primeira porta, até a porta da esquina, e desde a torre de Hananel até os lagares do rei 11 E habitarão nela, e não haverá mais maldição; mas Jerusalém habitará em segurança.  

† † †